You are currently browsing the tag archive for the ‘Benfica’ tag.

Cinco excelentes razões para regressar!

Anúncios

O livro de José Veiga, que o próprio apelida de manual, chega hoje às bancas e já está a causar polémica nas hostes encarnadas. Para quem gostar do estilo literário inaugurado há meses atrás, com o célebre Eu, Carolina, é uma obra imperdível. Eu, que não tenciono lê-lo e muito menos comprá-lo, não faço recomendações.

De realçar que, até ao momento,  não há notícia de qualquer interesse nem da P.G.R nem da P.J. em se debruçaram sobre este manual. Talvez o livro, afinal, não desvende o que o título parece prometer.

[n.d.a.: editado após publicação]

O árbitro Duarte Gomes apresentou desculpas “aos clubes envolvidos” pelo clamoroso erro que cometeu no jogo de ontem, Estrela da Amadora vs S.L. Benfica.

Da parte do Benfica, julgo que as desculpas serão aceites, apesar do erro obrigar o clube a manter-se em competição na Taça da Liga, o que parece que não era o desejo de equipa técnica e jogadores.

O que importa realçar, no entanto, é que sucedem-se semanalmente erros incríveis de arbitragem nos campos de futebol nacional, com influência directa nos resultados, apesar dos processos em curso na justiça. Ainda por cima, temos que ouvir ciclicamente as já estafadas frases “errar é humano”, “não somos seres infalíveis”, “os avançados também falham golos”, e por aí fora.

Acontece que, a quem cabe a missão de ajuizar, não pode ser aceitável tantos enganos, tão mau ajuizamento dos lances, tanta injustiça. Não é para isso que o árbitro lá está, mas sim para garantir que as regras do jogo são respeitadas.

Por isso, é já tempo de a Liga não considerar suficiente um pedido de desculpas, ainda para mais com atenuantes. É tempo de se tirar as devidas consequências dos sucessivos erros a que assistimos. Caso contrário, o erro continuará a fazer carreira na arbitragem em Portugal.

Miguelito, um electricista a caminho do Benfica.

Título do Jornal Record, 21-08-2006

Para além de ser bom jogador, pode sempre usar a sua experiência profissional ao serviço da resolução dos problemas da Luz 🙂 .