Perante a possibilidade de baptizar-nos de “Lisboa” um tratado europeu, imortalizando para todo o sempre o papel da cidade, do país e desta presidência portuguesa no processo de construção europeia, que importa esclarecer os portugueses sobre estas questões? E terá algum interesse perguntar-lhes a opinião, perante tão grande desígnio nacional? Nã… Tratado de Lisboa. Uau!!! Só de pensar, fico com a pele eriçada!

Agora, digam-me lá: província é o resto do país?