Afinal, o que é que aconteceu aos posts que acusavam  Miguel Sousa Tavares de plágio, na obra “Equador”?

Será que o blogue – ou melhor, o blogger – já levou (ou receia levar) a tal “paulada” prometida por MST, e endireitou?  Parece que sim. É a única explicação que encontro para a retirada dos posts originais.

A falta de coragem é bem típica dos difamadores.